faceralis

 

posvendaclick

lukyaunuAo cabo de três especiais de classificação o Rali dos Açores não conheceu outro líder que não seja Alexey Lukyanuk. Ao volante do Ciroen DS3 R5, o míssil russo disparou para a liderança vencendo todos os troços até agora disputados.

Pierre Loubet, que nem estava apontado entre os favoritos, é para já a grande surpresa do rali, estando a apenas 3,1s da liderança, dando a entender que tem ritmo para incomodar Lukyanuk.

Ricardo Moura é para já o melhor português e açoriano, como também lidera nas contas do Campeonato de Portugal de Ralis, estando a 8s do primeiro lugar após este primeiro dia.

Marijan Griebel chegou a ser terceiro classificado mas desceu para quinto no final do dia, estando numa interessante luta pelo 4º lugar, que agora é ocupado por Chris Ingram.

Nas contas do CPR, Moura lidera, já com 14,5s de vantagem para Bruno Magalhães, que já percebeu que terá que contar com Ricardo Teodósio na luta, para já, pelo segundo lugar.

Miguel Barbosa nem chegou a concluir o primeiro troço do rali, já que depois de um toque furou o radiador, pelo que as posições seguintes são ocupados por Miguel Correia e Pedro Almeida.

Nas 2RM é Hugo Lopes quem lidera com toda a autoridade, embora quer Gil Antunes, no Clio com problemas de rendimento, quer Paulo Neto, DS3, com um furo, perderam algum tempo.

Líderes Sucessivos
A. Lukyuanku
Pec (1 a 3)

Vencedores de troços
A. Lukyuanku (3)

CLASSIFICAÇÃO PRIMEIRO DIA

Não lhe é permitido comentar.