faceralis

 

guia2020

Nacional

Edit

Amount of short articles:

Amount of articles links:

You can order sections with dragging on list bellow:

  • Nacional
Guardar
Cancelar
Reset

CPR

Gil Antunes oficializa p

Image - Gil Antunes oficializa p

A dupla Aruilense Gil Antunes e Diogo Correia escolheu a oficina Motrio de Loures para palco da apre

Quinta, 12 Março 2020 Comente

Eventos

Fostos apresentação Peug

Image - Fostos apresentação Peug

Fotos: TIAGO FONSECA / MONDEGOSPORT / RALIS ONLINE (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da

Segunda, 9 Dezembro 2019 Comente

Open

Fotos Rali de Mortágua 2

Image - Fotos Rali de Mortágua 2

Fotos: Paulo Homem (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da fonte)Evento: Rali de Mortágua 2

Quarta, 2 Janeiro 2019 Comente

Nacional

momentos20101O ano de 2010 esteve repleto de grande momentos.

Não foram só vitórias nem momentos de espectáculo, foram também muitas outras situações que o Ralis Online, os seus colaboradores, leitores e amigos nos foram trazendo.

Se tiver mais destes momentos e se quiser colaborar com o Site dos Campeões, partilhando-os com os nossos leitores, é só enviar que nós publicamos.

Momentos 2010 – 1

open2011nome(Actualizado) O Campeonato Open de Ralis de 2011 deverá, em 2011, resistir à erosão das listas de inscritos, continuando até a receber cada vez mais pilotos vindos do Campeonato de Portugal de Ralis.

Na lista que editamos em baixo, poderá ficar a conhecer já cerca de 40 projectos, dos quais mais de 30 irão disputar pelo menos entre 6 e 8 provas.

Outros irão pelo menos iniciar o Open, fazendo a primeira e a segunda prova, tentando nesse período arranjar o resto dos apoios para continuar na competição. Pelo menos mais três projectos, competitivos, estão a ser montados para o Open, dois deles com pilotos vindos do Nacional, mas que ainda não podem ser divulgados.

Destaque para a forte presença dos Lancer Evolution, mas também para alguns Kit-car, sem esquecer a forte presença dos concorrentes do Desafio Modelstand. Aqui ainda não estando contemplados os Troféus Fastbravo e Fiat(e) em Nós e Acelera, podendo cada um deles vir a contar com 10 equipas.

De prova para prova ainda teremos que juntar os concorrentes dos Regionais, o que se prevê novamente um ano muito interessante de seguir no Open de Ralis.

Contamos também com a colaboração de todos para continuar a preencher a lista anexa.

Manuel Coutinho Mitsubishi Lancer Evo VII
Paulo Barata Mitsubishi Lancer Evo
Daniel Nunes Mitsubishi Lancer Evo VI
Armindo Neves Mitsubishi Lancer Evo VII
Tiago Almeida Mitsubishi Lancer Evo III
Luís Mota Mitsubishi Lancer Evo VII
Manuel Castro Mitsubishi Lancer Evo VI
Diogo Salvi Mitsubishi Lancer Evo VI
Renato Pita Mitsubishi Lancer Evo VI
André Cabeças VW Golf Kit-Car
Jorge Santos Citroen Saxo Kit-Car
- Citroen Saxo 16v
Pedro Matias Abarth 500 R3T
Nuno Pombo Abarth 500 R3T
António Rodrigues Peugeto 206 RC
Júlio Maia Peugeot 206 S1600
Francisco Miranda Peugeto 206 RC
Manuel Inácio Peugeot 206 Gti
André Ribeiro Peugeot 206 Gti
Gil Antunes Peugeot 206 Gti
Rui Garcia Peugeot 206 Gti
Carlos Fernandes Peugeot 206 Gti
Bruno Sá
Peugeot 206 Gti
Pedro Alves Peugeot 206 Gti
Carlos Matos Competições Peugeot 206 Gti
Daniel Ribeiro Peugeot 206 Gti
Nuno Pina Peugeot 206 Gti
Sérgio Arteiro Peugeot 206 Gti
Fabrício Lopes Peugeot 206 Gti
João Castela Peugeot 206 Gti
Paulo Moreira Peugeot 206 Gti
André Marques Peugeot 206 Gti
Manuel Martins Peugeot 206 Gti
Salvador Gonzaga Peugeot 206 Gti
André Mota Peugeot 206 Gti
Xikane Peugeot 206 Gti
SFR Peugeot 206 Gti
Frederico Craveiro Ford Focus ST
Luís Bastos Citroen C2
Júlio Bastos BMW M3
Jorge Custódio Toyota Yaris
Viana Martins Opel Astra Gsi
Carlos Gonçalves Nissan Micra
codriveexper10Realizou-se no passado domingo dia 19/12/2010 o Co-Drive organizado por Frederico Gomes, para o qual deixo as minhas primeiras palavras.

Desde já muitos parabéns pela conquista do título de Campeão Nacional de Ralis na Classe F3 em 2010, da mesma forma quero também agradecer a oportunidade concedida em ser um dos co-pilotos de ocasião, foi para mim um enorme prazer, mas também uma nova experiência dentro de um carro de Rali, assim, desta forma a estrutura liderada por Frederico Gomes, destaca-se por ser uma das que mais promove os Ralis a nível nacional.

Após o Co-Drive no Citroën C2-R2-Max proporcionado por Frederico Gomes e a sua equipa, fiquei a conhecer bastante melhor este pequeno carro, mas com potencial de um grande carro.

Neste Co-Drive deu bem para conhecer algumas das potencialidades do C2-R2-Max, principalmente ao nível da suspensão, com o carro a rodar em terra variando entre zonas mais degradadas e sinuosas, ás mais rápidas e em melhor estado, sempre com conforto, estabilidade, aderência e um equilíbrio muito bom. Nunca imaginei o C2-R2-Max com este potencial em seu poder. O desempenho do motor também é de destacar, pois logo nos baixos regimes responde de forma impressionante, com as passagens de caixa a sucederem-se rapidamente e de forma muito precisa.

Foi uma experiencia muito positiva, quem vê de fora não consegue compreender as valências do C2-R2-Max, só em acção no seu interior e com as explicações do seu piloto sobre como tudo funciona, percebemos que estamos perante um dos melhores carros de rali da sua classe, ou mesmo o melhor.

Um dos momentos mais sensacionais do Co-Drive foi já na parte final do troço, quando em quinta quase a fundo entramos numa direita rápida, com um ligeiro salto e a inevitável sensação de voar baixinho, seguindo-se a recta final e a forte travagem, onde não faltou a utilização do travão de mão para finalizar esta experiencia.

Obrigado a todos os que contribuíram para a realização desta iniciativa.

http://olhares.aeiou.pt/rally74r

ortigaobal10Pedro Ortigão, filho de uma antiga glória do ralis (Jorge Ortigão), teve uma das suas melhores épocas de ralis de sempre. Lutou abertamente pelo título no Desafio Modelstand passando de outsider a protagonista principal. 2011 ainda é uma incógnita... saiba as razões!!!

Qual é o balanço que fazes da tua temporada de 2010?
O balanço que fazemos da temporada de 2010 só pode ser positivo! Não cometemos erros, lutámos pelas vitórias, fomos consistentes, conseguindo com apenas 6 participações garantir o 2º lugar do troféu e o 5º do Campeonato. Ao mesmo tempo, sentimo-nos orgulhosos por não haver nada a apontar no nosso carro quando foi sujeito às verificações da Exporacing.

Quais foram os momentos marcantes da época?
Os momentos mais marcantes foram, sem dúvida, os furos!!! No Vidreiro, passamos pela liderança à geral e, não fosse um furo na 2ª PE, tínhamos mesmo vencido com alguma vantagem. Em Arganil, quando furamos na última PE e caímos da 1ª para a 3ª posição sendo, talvez esse, o momento que decidiu o Troféu!

Existem projectos e/ou certezas para 2011?
Infelizmente, neste momento não temos nada garantido e, o mais provável, é pararmos! A hipótese de passar para o CPR não me parece sensata: é necessário um investimento 3x mais elevado para viabilizar um projecto com poucas garantias de retorno, num Campeonato sem "colorido" e que, provavelmente, terá menos concorrentes em 2011 do que o Desafio Modelstand!!! Quanto à continuidade no Open, embora gostasse de o fazer com um carro mais competitivo, o projecto mais equilibrado é o Modelstand: tem um custo / benefício excelente, tem bons prémios, é muito competitivo e permite também lutar por um bom resultado à geral. De qualquer forma, a única certeza que temos é que, mesmo que conseguíssemos reunir o orçamento para repetir Desafio, só o faríamos se o regulamento alterasse: não me parece razoável que se possa, tal com este ano, deitar fora o resultado de uma desclassificação. Essa situação altera a verdade desportiva permitindo que, em pelo menos duas provas, uma equipa possa tentar a sua sorte com um carro ilegal. Ao mesmo tempo, coloca em igualdade de circustâncias uma desistência por avaria ou uma desclassificação por ilegalidade!!!

ds3const10Já está a decorrer a construção do Citroen D3 R3T que Paulo Neto vai tripular no Campeonato de Portugal de Ralis.

Num puzzle de mais de 7.000 peças, que têm vindo a chegar de França de forma faseada, os principais "problemas" da montagem acabam por surgir em pequenos detalhes, nomeadamente quando é uma pequena peça que falta para que se consigam montar outros componentes.

De todos os grandes elementos mecânicos apenas ainda não chegou o motor (que já vem construído e rodado), pois as suspensões, travões, caixa de velocidades, escape, painéis da carroçaria e muitos cabos, tubos e fios já estão prontos para serem montados.

"Não temos uma previsão para ter o carrro pronto", comentou Paulo Neto, contudo "quanto mais cedo melhor, embora num kit com tanto peça como este seja natural haver atrasos".

RALIS ONLINE TV