faceralis

 

posvendaclick

Nacional

Edit

Amount of short articles:

Amount of articles links:

You can order sections with dragging on list bellow:

  • Nacional
Guardar
Cancelar
Reset

CPR

Troços e horários Rali V

Image - Troços e horários Rali V

Troços e horários Rali Vinho da Madeira 19              

Sexta, 12 Julho 2019 Comente

Eventos

Fotos Almada Extreme Spr

Image - Fotos Almada Extreme Spr

Fotos: RALIS ONLINE (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da fonte)Evento: EXTREME ALMADA SP

Domingo, 16 Junho 2019 Comente

Open

Fotos Rali de Mortágua 2

Image - Fotos Rali de Mortágua 2

Fotos: Paulo Homem (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da fonte)Evento: Rali de Mortágua 2

Quarta, 2 Janeiro 2019 Comente

Nacional

ricadoteocbRicardo Teodósio e José Teixeira abrem a fase de asfalto do Campeonato de Portugal de Ralis como líderes absolutos da competição. Dupla do Skoda Fabia R5 venceu em Castelo Branco em 2018 e volta a apostar na luta pela vitória no próximo fim de semana.

Quinta prova da temporada, o Rali de Castelo Branco é um evento que traz boas recordações a Ricardo Teodósio, que venceu a prova albicastrense em 2018 ao volante do Skoda Fabia R5. Uma performance que abre boas perspetivas ao atual líder do CPR, embora o percurso do rali tenha sido completamente reformulado para este ano.

"Estamos muito motivados para o início da fase de asfalto e o Rali de Castelo Branco pode ser um ponto importante na nossa época", afirmou o piloto da Guia. "Depois da fase de terra, vamos testar esta segunda-feira no asfalto e tentar encontrar um bom set up, já que o campeonato deste ano está muito competitivo e é importante estarmos confiantes no carro para atacar. Estou convencido que estaremos novamente na luta pela vitória", concluiu Ricardo Teodósio, que este ano já venceu o Rali Serras de Fafe e o Rali de Mortágua, além de ter obtido mais dois pódios do CPR nos Açores e no Rali de Portugal.

José Teixeira explicou que "este Rali de Castelo Branco deverá ter um percurso completamente diferente do de 2018, embora deva ser o rali mais rápido da época. Vamos fazer um teste na segunda-feira e depois é importante fazer um bom trabalho nos reconhecimentos da prova, para chegarmos ao rali confiantes e bem preparados. O nosso grande objetivo é reforçar o comando do CPR em Castelo Branco", referiu o navegador algarvio.

almeidacb19O piloto famalicense Pedro Almeida e o navegador Nuno almeida vão estar no Rali de Castelo Branco, prova do Campeonato de Portugal de Ralis, a realizar nos dias 22 e 23 de junho.

Esta é a primeira prova do campeonato em asfalto e a equipa está a preparar com afinco a nova fase da temporada. "Há um conjunto de alterações a fazer no Skoda Fabia R5 para a nova fase de asfalto, nomeadamente na suspensão, travões, pneus ou diferencial, e vamos procurar encontrar a melhor combinação para este rali. Além das mudanças no carro temos de mudar um pouco o estilo de condição, mas trazemos os indicadores da temporada passa em que nos adaptamos bem ao andamento e os resultados conseguidos trazem-nos expectativas positivas", começou por salientar o piloto, que esta semana vai realizar os testes de adaptação ao carro.

"Terminamos a fase de terra com o nosso melhor resultado, um quarto lugar no campeonato no Rally de Portugal, sinal de que fizemos um percurso em evolução. Queremos manter este registo para a fase de asfalto que temos pela frente para manter a competitividade demonstrada desde o início do ano".

O Rali de Castelo Branco começa no sábado, 22 de junho, com as primeiras cinco das dez especiais de classificação que compõe a prova. No total são quase 129 quilómetros cronometrados.

"Iremos fazer os necessários reconhecimentos nos dias que antecedem o rali, é uma prova com especiais de classificação novas, percebemos da apresentação feita que o rali vai ser muito rápido, exigente na condução, e estamos convictos de muita disputa ao segundo. Vamos procurar preparar-nos para a exigência e somar pontos para o campeonato" rematou o piloto.

Pedro Almeida e Nuno Almeida ocupam nesta altura o sexto lugar do Campeonato de Portugal de Ralis com 32 pontos.

rafalecbCastelo Branco acolhe já no próximo fim-de-semana a primeira prova de asfalto da temporada, momento que marca o regresso de Rafael Cardeira às emoções do Campeonato de Portugal de Ralis, aos comandos do novíssimo Renault Clio R3T. Depois dos títulos alcançados na classe RC5, o piloto do Sporting Clube de Portugal apostou em 2019 na categoria RC3, onde irá procurar os melhores resultados, numa temporada em que o mais importante passará pela adaptação à nova viatura.

As naturais dificuldades que irá encontrar neste regresso à competição não tiram o animo ao piloto da Marinha Grande que se mostra muito motivado para a sua primeira prova da temporada. "Neste primeiro rali da temporada procuro três coisas fundamentais: somar o maior número de quilómetros em competição para que possa continuar a evoluir e a melhorar a adaptação ao carro, perceber, durante as primeiras especiais da prova, onde nos posicionamos em relação à concorrência e por fim lutar por uma posição final nos três primeiros classificados entre os RC3. Sabemos que a nossa concorrência tem mais experiência com estas viaturas, mas isso até acaba por nos libertar alguma pressão", explicou o piloto que irá continuar a contar com André Couceiro como navegador.

Depois dos primeiros quilómetros de testes que serviram essencialmente para Rafael Cardeira perceber melhor a nova viatura, segue-se o primeiro desafio em competição. Apesar de já ter participado por diversas vezes no Rali de Castelo Branco, a prova conta em 2019 com um traçado completamente renovado e o piloto vê nisso uma oportunidade:

"Com a aquisição do Renault Clio R3T subimos duas categorias no Campeonato de Portugal de Ralis, militando agora na classe RC3 e lutando pela classificação geral das Duas Rodas Motorizes. Temos vindo a fazer um trabalho de adaptação à nova viatura para encontrar o melhor setup que me permita uma rápida aprendizagem. As nossas sessões de testes foram bastante positivas e consegui encontrar um compromisso que me deixa confortável para a minha primeira prova do campeonato. Apesar de já ter participado várias vezes neste rali, a organização decidiu em 2019 renovar o traçado da prova e isso pode ser positivo para nós, uma vez que, pelo menos no que toca ao conhecimento do traçado, partimos ao mesmo nível que a nossa concorrência", destacou.

camposFotos: RALIS ONLINE (Proíbida a reprodução de fotos sem indicação da fonte)
Evento: EXTREME ALMADA SPRINT
Data: junho 2019
Site: www.ralisonline.net

 

extremelogo19O Clube de Motorismo de Setúbal (CMS) e a Câmara Municipal de Almada (CMA), estão antecipadamente de parabéns, pois conseguiram assegurar a presença de nada menos que setenta equipas, à partida para a segunda edição da Almada Extreme Sprint, o que garante desde já o êxito da competição e faz antever um sucesso superior ao conseguido na edição de 2018.

Para o Diretor da Prova, do CMS, Joaquim Capelo, «muitos ficaram ainda de fora, pois pelo facto de termos mantido a competição apenas num dia, não há lugar para todos os que solicitaram a sua inscrição ao CMS. É fantástica esta adesão por parte de equipas e pilotos, provando-se que marcamos a diferença ao apresentar uma competição aliciante para todos. A adesão do público vai com certeza ser igualmente superior ao ano passado, mas estamos conscientes que temos todas as condições para os receber em segurança. São todos bem-vindos e vão gostar com certeza!»

Entre os inscritos, os melhores; Na Regularidade destaque para a presença do Campeão Nacional de 2017, João Vieira Borges, para a participação de Jorge Nunes no famoso Porsche de seu pai, o pluricampeão nacional de todas as categorias, Américo Nunes, especialistas como Ivo Tavares, enfim todos preparados para tentar bater a dupla Nuno Veiga / Tânia Duarte, vencedora em 2018.

A categoria Sprint, a mais adequada a este tipo de competições, representa este ano a maior fatia em termos de equipas inscritas, até porque integra ainda duas competições distintas; a EVO Cup e o Desafio Kumho.

44 participantes, entre os quais alguns Campeões Nacionais, como Adruzilo Lopes, Fernando Peres, Miguel Campos, Rui Bevilacqua, Pedro Leal, e outros pilotos de renome e sempre espetaculares, tais como Gonçalo Figueiroa, Eduardo Veiga, Carlos Neves, José Grosso ou António Dias.

Uma lista extensa mas de muita qualidade esperando-se muita competição nas diferentes classes, de onde sairão os vencedores que terão acesso às eliminatórias e finais da Corrida de Campeões / Challenge 1000 CC, evento ímpar que fechará a festa da Almada Extreme Sprint, já no final da tarde de Domingo.

Reunidos patrocínios e apoios para esta segunda edição, entre os quais se incluem os almadenses Rui Madeira, campeão do Mundo de Ralis, e Miguel Oliveira, a Câmara Municipal de Almada assegurou ao Clube de Motorismo de Setúbal, através dos seus diversos departamentos, todas as condições e apoios, para que este ano, no calor de Junho, possamos ultrapassar largamente o patamar de 17000 presenças, confirmadas na primeira edição.

RALIS ONLINE TV

RALIS ONLINE TV 2