faceralis

 

posvendaclick

Regional

gaierins10
Piloto Navegador Carro Tracção Classe
0 0 0 André Marques Sérgio Vaz Peugeot 206 Frente II
0 0 Paulo Cunha Manuel Bertolo Renault 11 Turbo Frente II
0 Américo Maçarico Vanessa Maçarico Mitsubish Evo VI Total III
1 José Merceano Francisco Pereira BMW 325 IX Total III
3 Pedro Carmo Rui Niza Subaru Impreza WRX Total III
9 Carlos Valentim Luís Ribeiro Ford Escort RS Cosworth Total III
2 António Nunes Rui Marques Mitsubish Evo V Total III
10 Rodolfo Ribeiro David Crispim Ford Sierra Cosworth Total III
12 Gilberto Costa Amílcar Damião Golf Frente II
4 Daniel Ferreira Marco Gomes BMW 325 IX Total III
14 Filipe Santos Filipe Fernandes BMW 325 IX Total III
19 David Lobato Bruno Gonçalves Toyota Corola Frente II
5 Eduardo Silva Sérgio Rufino BWM E36 Total III
8 Fernando Marques João Santos Peugeot 205 Frente II
34 Mário Pires NN Ford Sierra Cosworth Total III
23 Rui Paz João Becken Vauxhall Astra GTE 16 Frente II
28 Paulo Sousa Rodrigo Silva Golf VR 6 Frente II
15 Pedro Catarino Joaquim Oliveira Ford Sierra Trás I
6 João Neves Filipe Neves Mazda 323 Total III
18 Paulo Gonçalves Armando Gonçalves Peugeot 205 Frente II
16 Mário Mendes Luís Santa Bárbara Datsun 1200 Trás I
25 Marco Brás Joaquim Bernardo Golf G60 Total III
7 Bruno Santos Luís Ribeiro Toyota Celica GT4 Total III
24 Carlos Figueiredo José Gamito Volkwagen Golf Total III
17 António Mota Gaspar Rosário Mitsubish Evo Total III
26 Carlos Martins Afonso Simões Peugeot 205 Frente II
29 Paulo Minorça Fábio Vicente Toyota Celica Frente II
11 Jaime Almeida José Mariz Ford Escort RS Cosworth Total III
30 Jorge Maçarico Carlos Garcia Toyota Celica GT4 Total III
31 Mário Seabra Rodrigo Pinheiro Toyota Corola Total III
36 Nelson Cardoso João Mateus Volkwagen Golf Frente II
31 Jorge Vicente Nuno Vicente Toyota Celica 4WD Total III
52 Gonçalo Horta NN Renault Clio Frente II
S Gustavo Carolino NN Peugeot 206 Frente II

mouravenc10-Após a conquista do título de produção nacional, Ricardo Moura dominou a 29ª edição do Rallye de Santa Maria, vencendo todos os troços e conquistou o terceiro título consecutivo no Campeonato Açores de Ralis.
- Luis Rego Jr. terminou num brilhante segundo lugar da geral, posição essa, que foi sua desde a primeira especial do dia, após ter sido 8º na super especial disputada ontem.
- Com um carro pouco preparado para pisos de asfalto, Pedro Vale, teve alguns problemas nos travões do seu Mitsubishi, durante a segunda secção e acabou por baixar para a quinta posição. Com os problemas resolvidos, Vale recuperou até à terceira posição mas, não conseguiu alcançar Luis Rego Jr. por 9,4s.
- Após ter sido segundo classificado na super especial, Ricardo Carmo, não conseguiu melhor do que a quarta posição final mas, no entanto, melhorou o resultado obtido em 2009.
- Com a desistência de Sérgio Silva, por avaria mecânica, José Paula passou a ocupar a quinta posição e manteve a mesma até ao final, sendo o melhor resultado de sempre, do piloto da ilha do Pico, no CAR.
- Paulo Maciel dominou nas duas rodas motrizes e entre os pilotos do Gr.A até 1600cc, dando em Santa Maria, um importante salto para tentar chegar ao título mas, essa, será uma decisão que poderá ser arrastada até ao último evento do campeonato.
- Depois do Sata Rallye, Henrique Moniz passou a ser o maior opositor de Maciel no campeonato Gr.A até 1600cc (Formula 3). Após o forte acidente nos reconhecimentos, Henrique Moniz e Pedro Machado, foram muito regulares durante todo o rally e alcançaram um importante segundo lugar no seu campeonato.
- Depois da vitória no Sical, nas duas rodas motrizes, o jovem César Silva chegou a estar envolvido numa luta interessante com Henrique Moniz mas, a sétima especial acabou por não correr muito bem ao piloto da Terceira, onde perdeu 32 segundos para Moniz.
- Fernando Casanova obteve a sua melhor classificação do ano mas, no entanto, sem a ligeira saída de estrada sofrida ontem e uma falha de intercomunicadores no final do rally, poderia ter ficado mais perto do jovem Silva.
- Carlos Costa teve uma prova para esquecer em Santa Maria. Costa nunca encontrou o ritmo certo e foi batido nos troços por diversas vezes, pelos seus adversários mais directos. Para piorar a situação, Carlos Costa furou o pneu dianteiro direito, na fase final do rally.
- Olavo Esteves venceu na Formula 2, pela segunda vez este ano, com o seu superior Renault Clio R3 mas, com a desistência no Sata Rallye, o piloto da ilha Terceira ficou sem hipóteses de poder discutir o título na categoria.
- Ao ser segundo na Formula 2, João Faria ficou a um pequeno passo de conquistar o título, bastando-lhe agora, muitos poucos para o conseguir.
- Rui Torres cometeu um erro no percurso, ficando sem motivação com o sucedido e optou por abandonar pois, a exclusão poderia ser quase certa.
- Hugo Mesquita excedeu-se na sua estreia nos rallyes pela negativa pois, abandonou no primeiro troço do dia, devido a uma saída de estrada.
- Bruno Tavares conseguiu terminar uma prova este ano e obteve a vitória entre os VSH, com Milton Resendes (2º) e Luis Medeiros (3º), a fecharem os lugares do pódio.

COMANDANTES SUCESSIVOS
Ricardo Moura (1ª à 11ª pec)

VENCEDORES DOS TROÇOS
Ricardo Moura (11)

DESISTÊNCIAS
Paulo Oliveira; Hugo Mesquita; Sérgio Silva; Rui Torres; Ruben Rodrigues

CLASSIFICAÇÃO
1º Ricardo Moura / Sancho Eiró - Mitsubishi Lancer Evo IX  52m54,6s
2º Luís Rego / Pedro Rodrigues - Mitsubishi Lancer Evo IX a 1m25,4s
3º Pedro Vale / Rui Medeiros - Mitusbishi Lancer Evo VII a 1m34,8s
4º Ricardo Carmo / Justino Reis - Mitsubishi Lancer Evo IX a 2m10,9s
5º José Paula / Miguel Ribeiro - Mitsubishi Lancer Evo IX a 2m41,5s
6º Paulo Maciel / Filipe Gouveira - Citroen Saxo a 3m13,4s
7º Henrique Moniz / Pedro Machado - Citroen C2 R2 GT a 4m16,0s
8º César Silva / Manuel Lemos - Citroen Saxo Cup a 4m54,1s

PILOTO DO RALI
Ricardo Moura

MOMENTO DO RALI
Ritmo de Moura desde o primeiro troço

MENOS DO RALI
Ausência de luta pela vitória

1ª Etapa / 1ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 1 - Gaeiras (6,7 Kms) 21h30m
Parque de Assistência
1ª Etapa / 2ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 2 - Gaeiras (25,7 Kms) 09h30m
Parque de Assistência 10h00m
PEC 3 - Gaeiras Sul (18,7 Kms) 10h30m
1ª Etapa / 3ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 4 - Gaeiras Ponte Norte (4,7 Kms) 15h30m
Parque de Assistência 16h00m
PEC 5 - Gaeiras Lado (17,7 Kms) 16h30m 

 

 

 

1ª Etapa / 1ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 1 - Gaeiras (6,7 Kms) 21h30m
Parque de Assistência
1ª Etapa / 2ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 2 - Gaeiras (25,7 Kms) 09h30m
Parque de Assistência
PEC 3 - Gaeiras Sul (18,7 Kms) 10h30m
1ª Etapa / 3ª Secção - Gaeiras/ Gaeiras
PEC 4 - Gaeiras Ponte Norte (4,7 Kms) 15h30m
Parque de Assistência 16h00m
PEC 5 - Gaeiras Lado (17,7 Kms) 16h30m

 


 

Um verdadeiro sucesso, a Soviauto 2000 – Super Especial de Rally Gouveia – Serra da Estrela, realizada pela Secção de Desportos Motorizados Serra a Fundo em parceria com Município de Gouveia.

Englobada nas Festas do Sr. Calvário (Festas da Cidade), Gouveia viveu de perto as emoções dos Rallyes numa jornada de óptima promoção à modalidade, emoção, espectáculo e muito publico marcaram o regresso dos Rallyes à Serra da Estrela, apesar de decorrer em simultâneo dois eventos como o Race of Champions e o Rali da Madeira, que impossibilitou que outros nomes pudessem também participar.

No total foram, 2,4 KM em piso de asfalto, no espaço compreendido entre a Escola Secundária de Gouveia, Piscinas Municipais e Pavilhão Gimnodesportivo, que agradou a todos participantes, aliando partes rápidas com zonas técnicas.

A manha reservada aos habituais reconhecimentos, ficou marcada pela saída de estrada de José Tavares no Subaru Impreza 4WD,saída esta, que acabou por impossibilitar o piloto de Arganil de poder fazer as duas passagens da Super Especial da tarde, para desalento do próprio.

Zé Neves, foi outro dos pilotos convidados que não chegou a participar na Super Especial, devido a problemas na caixa de velocidades, do seu Ford Escort MK2.

João Leonardo, num Skoda Favorite, Ruben Lopes num Citroen Saxo, José Cruz, num Mitsubishi Evo VI, António Matias também em Mitsubishi, Fabrício Lopes e Francisco Brites em Peugoet 206,Paulo Barata em Mitsubishi Evo VIII, Tó Quim, num Ford Escort RS Cosworth, M. Paixão em Ford Escort, foram os animadores da tarde, proporcionados todos eles, grandes momentos de espectáculo.

José Cruz, bateu forte na primeira passagem danificando o seu Mitsubishi, quando prometia dar um verdadeiro espectáculo, assim como M. Paixao, que na derradeira passagem, não evitou uma saída de estrada que deixou o seu Ford Escort, em mau estado, devido a problema com a caixa de velocidades.

Francisco Brites, foi sem duvida dos mais ovacionados da tarde, face á sua condução e ao facto de ser navegado por Numa Pompilio, navegador da casa, que arrancou muitos aplausos do publico

Momentos houve também, para o vice-presidente da Câmara Municipal de Gouveia, sentir adrenalina dos carros de Rallyes, já que foi um dos “sortudos do dia”, nos co-drives efectuados pelos pilotos.

Paulo Barata, Campeão Regional de Rallies – Douro, trouxe o seu novo Mitsubishi EVO VIII, apesar de ainda estar numa fase de adaptação, não deixou de mostrar as potencialidades da sua máquina.

Ruben Lopes, navegado pela Cintia, mostrou igualmente uma condução segura, proporcionado, momentos bonitos, no seu Citroen Saxo

João Leonardo, estreante no mundo dos Rallyes, continua a evoluir o seu Skoda Favorite, ainda assim não deixou de mostrar a fiabilidade destes carros, particularmente em pisos de terra.

António Matias, que em 2009, venceu a Taça Nacional de Autocross – Divisão 6,foi outro dos participantes que desfrutou dos 2,4KM da Super Especial.

No intervalo das 2 passagens que os pilotos cumpriram, houve animação com o Kartcross e o Camião de José Rogeira, bem como o Daitsu, de Jorge Almeida, várias vezes Campeão Nacional de Perícias e um Ford Escort MK1, que passeou na Super Especial promovendo o 2º Encontro de Veículos Clássicos de Gouveia, que o Serra a Fundo vai levar a cabo, no dia 11 de Setembro

Destaque para o esforço maior da organização, para que o publico desfrutasse do espectáculo em segurança, e felizmente sem qualquer acidente a lamentar.

O Balanço final não podia ser mais positivo, pilotos e publico em sintonia, ficando no ar a ideia de que para ano haverá mais e melhor.