faceralis

 

usados

Nacional

passtamepo10A Paulo Neto Sport, equipa presente no Campeonato de Portugal de Ralis, e o Ralis Online, o seu Site dos Campeões, estão a promover um passatempo que lhe oferece a possibilidade de ganhar um relógio, que tem com valor superior a 200 Euros.

Para tal basta visitar o novo site da equipa Paulo Neto Sport, que está disponível em www.paulonetosport.com e concorrer a este passatempo.

A não perder!!!

armanausen10A equipa Roady Competition, não irá estar presente no Rali do Centro de Portugal, estando também as duas restantes provas em dúvida. Apesar deste contratempo, Armindo Neves e Filipe Serra estarão já este fim-de-semana no Rali de Serpa ao volante do Mitsubishi Lancer Evo VII, como forma de não perderem o ritmo.

Foram várias as razões que nos levaram a parar de momento. Á última hora houve um parceiro que não se associou ao projecto, como estava previsto inicialmente, condicionando as restantes provas, depois porque o Grupo N, competição que estávamos a disputar, já tem o título entregue a Ricardo Moura a quem damos os parabéns por tal feito, e por último, porque considero que assim sendo, só temos a ganhar se começarmos já a trabalhar no projecto para a próxima época”, afirma o piloto.

Como tal, Armindo Neves já está a trabalhar afincadamente a pensar na próxima época, por forma a montar um projecto que pretende, seja muito aliciante, não só em termos desportivos, mas também de comunicação.

O nosso projecto passa por regressar ao Open de Ralis com o Mitsubishi Lancer Evo VII, um carro que, tenho a certeza, nos permitirá sermos bastante competitivos e lutar pelas primeiras posições do campeonato”, revela o piloto de Benavila, que apesar de tudo não coloca de lado a presença em mais um rali de asfalto, para assim preparar o regresso em 2011.

Para terminar, Armindo Neves deixa uma palavra a todos os parceiros do projecto de 2010, dizendo que “cumprimos com o plano delineado para esta temporada, mediante as condições que tínhamos, e os resultados foram bastante interessantes, uma vez que enquanto estivemos em competição, mantivemo-nos sempre no pódio do Grupo N. Agradeço imenso a todos os que nos apoiaram, e em 2011 tudo faremos para regressar ainda mais fortes”.

brevecent10Depois do azarado acidente no Shakedown do Rali Centro de Portugal, Bernardo Sousa e a sua equipa explicaram, pelos dados recolhidos pela telemetria, que a saída de estrada se deveu a um problema com o pneu traseiro esquerdo, até porque a velocidade de passagem naquele local foi inferior a outras passagens anteriores que o piloto fez no shakedown.

O segundo lugar entre os concorrentes do Citroen Racing Trophy e a 4ª posição final no Campeonato de Portugal de Ralis 2L/2RM são resultados de relevo para Frederico Gomes / Luís Cavaleiro no final do Rali Centro de Portugal. Como prémio para este desempenho, Frederico Gomes, passou a liderar o Nacional de Ralis entre os concorrentes que usam carros até 1.600cc. "Foi uma prova fantástica. Tentámos lutar pela vitória no Citroen racing Trophy mas perdemos algum tempo no primeiro dia nomeadamente na super-especial. No 2º dia tentámos atacar mas assumimos que o 2º lugar entre os concorrentes do Citroen racing Trophy era um excelente resultado" afirma Frederico Gomes, acrescentando que esta "prova é a confirmação da excelente temporada que estamos a fazer. Os resultados traduzem o nosso andamento e o Citroen C2 R2 Max tem sido muito competitivo e fiável, estando toda a equipa de parabéns por mais este excelente resultado alcançado. A subida à liderança entre os 1.600cc é o sinónimo desse bom trabalho".

Adruzilo Lopes regressou à competição após uma paragem demasiado longa. No primeiro dia de prova, o piloto do Renault Clio R3 “marcou o seu território”, tendo depois de gerir uma luta interessante com Francisco Barros Leite. A vitória de Adruzilo Lopes e Vasco Ferreira na categoria 2L/2RM foi alcançada durante as duas passagens por Pinhal do Rei, o último troço da prova. “O nosso objectivo foi totalmente alcançado. Começámos bem no primeiro dia, mas hoje nem por isso. Disputámos uma luta interessante com o Barros Leite, deixando tudo em aberto para os dois últimos troços, onde atacámos e também beneficiámos do furo sofrido pelo nosso adversário mais directo. Alcançámos mais uma vitória, aumentando a vantagem na liderança das duas rodas motrizes. A ARC Sport está de parabéns, pois deu-nos um carro em perfeitas condições, que nunca nos deu qualquer tipo de problemas”, afirmou Adruzilo Lopes.

Ricardo Moura fez uma excelente prova no Rali Centro de Portugal, mas acabou surpreendido no derradeiro. “Fizemos o melhor possível! Com o decorrer da prova, a defesa do terceiro lugar acabou por ser o nosso objectivo, embora gerindo sempre diferenças muito pequenas. Perdemos o pódio no último troço apesar de ter entrado com cerca de oito segundos de vantagem e até ter melhorado o tempo em relação à primeira passagem. Nesse troço o Pedro Peres acabou por fazer melhor que o Miguel Campos que estava a discutir a vitória na prova. No entanto acho que conseguimos um bom resultado, numa prova muito disputada até ao último troço. Representámos condignamente os Açores e os nossos patrocinadores”, declarou Ricardo Moura.

fonte101- Foi espectacular de seguir a edição 2010 do Rali Centro de Portugal, com o vencedor a ser encontrado no derradeiro troços depois de uma tremenda luta entre José Pedro Fontes e Miguel Campos. Também a luta pelo pódio, pelo Gr.N e pelo 2L/2RM teve momentos épicos para os ralis nacionais

- Fontes conseguiu limitar o tempo perdido nas primeiras 6 especiais do dia (mais lentas) e aproveitou tudo na zona do Pinhal de Leiria, nas duas derradeira especiais, para impor a potência do Porsche e alcançar a sua primeira vitória à geral numa prova do Nacional de Ralis com um GT

- Miguel Campos também esteve muito bem, apesar de a sua habituação ao S2000 ainda não ser a ideal. Teve a vitória na mão mas deixou-a fugir no derradeiro troço, mas mostrou que está a regressar à grande forma
- Pedro Peres "abriu o livro" no derradeiro troço do rali onde fez melhor que Miguel Campos (?), ganhou 14s a Pascoal e 19s a Ricardo Moura, subindo de 5º lugar para o lugar mais baixo do pódio numa exibição de grande nível
- Ricardo Moura também deu tudo e quando parecia ter o 3º lugar assegurado, depois de um dia perfeito, viu-se superado pelo surpreendente Peres
- Vitor Pascoal só tem carro para acompanhar os melhores Gr.N e ficou a pouco mais de 4 segundos de Pedro Peres. Quem dá o que tem a mais não é obrigado, pelo que Pascoal sai da Marinha Grande com uma boa exibição embora o resultado seja fraco para as suas aspirações
- Pedro Meireles teve finalmente um Subaru sem problemas e como foi ganhando confiança troço a troço foi subindo posições para ficar num bom 6º lugar
- Muita intensa de seguir foi a luta no CPR2. Adruzilo Lopes acabou por levar a melhor com bastante margem, mas isso só aconteceu depois de um furo de Barros Leite, que até chegou a liderar esta classificação, numa luta taco-a-taco entre ambos que foi muito interessante de seguir
- Esperava-se mais de Nuno Barroso Pereira que ficou no 9º lugar, tendo quase sido surpreendido por Paulo Antunes que foi o melhor do Citroen Racing Trophy. Frederico Gomes foi o segundo melhor nesta classificação tendo a meio do dia passado a gerir o seu andamento para garantir este bom resultado

COMANDANTES SUCESSIVOS
José Pedro Fontes (1ª à 3ª pec); Miguel Campos (4ª e 11ª pec); José Pedro Fontes (12ª e 13ª pec)
VENCEDORES DOS TROÇOS
José Pedro Fontes (7); Miguel Campos (6)
DESISTENTES
Bernardo Sousa; Ivo Nogueira; Bruno Sá

CLASSIFICAÇÃO 2º Dia (Link tempos)
1º José P. Fontes / Paulo Babo - Porsche 997 1h03m30,9s
2º Miguel Campos / Aloísio Monteiro - Ford Fiesta S2000 a 5,8s
3º Pedro Peres / Tiago Ferreira - Mitsubishi Lancer Evo IX a 1m30,2s
4º Ricardo Moura / António Costa - Mitsubishi Lancer Evo IX a 1m32,1s
5º Vitor Pascoal / Mário Castro - Peugeot 207 S2000 a 1m35,5s
6º Pedro Meireles / Jorge Henriques - Subaru Impreza WRX a 2m24,1s
7º Adruzilo Lopes / Vasco Ferreira - Renault Clio R3 a 2m40,8s
8º Francisco B. Leite / Luís Ramalho - Seat Leon TDi a 3m32,7s

minocne10Depois da estreia absoluta em competição no Rali do Medronho em Março, eis que Mico Mineiro/ Tomi Correia voltam à competição e desta feita no escalão principal dos ralis, o Campeonato de Portugal de Ralis.

Tendo em conta os contratempos surgidos durante a prova organizada pela Escuderia de Castelo Branco, a dupla fez boa uma boa figura e deixou no ar a possibilidade de voltar, o que se confirmou agora.

O carro eleito desta vez foi o Mitsubishi Evo VIII da Peres Competições, equipa que vai ter dar a assistência e apoio ao carro que Mico Mineiro vai usar.

Mico Mineiro:
"Para mim é sem dúvida o concretizar de mais um sonho, correr no CPR com um EVO VIII. Guiar para uma equipa como a Peres Competições costuma estar ao alcance apenas de grandes Campeões, mas desta vez vão ajudar um verdadeiro rookie! Até agora apenas guiei o C2 R2 em prova, sendo a minha experiencia em 4WD nula, conto para isso com as dicas do Pedro Peres. A amizade que me liga a esta equipa tem já longos anos, e por isso foi fácil chegarmos a acordo para esta participação".

Pedro Peres (Peres Competições):
"O Mico é grande Amigo nosso desde há muito tempo. É na nossa opinião, sem dúvida, um daqueles casos que foi pena não ter tido a oportunidade na idade certa, pois temos a certeza que daria um excelente piloto. Demonstra uma sensibilidade muito apurada para alguém que não tem experiência alguma em competição. É fantástico poder proporcionar esta oportunidade a um Amigo que adora os ralis, e poder mostrar-lhe tudo o que um 4WD tem para oferecer. Sabemos que a rapidez não vai ser a característica principal, dada a falta de ritmo, mas tenho a certeza que vai proporcionar bons momentos ao público presente na estrada".

Tomi Correia:
"Só mesmo o Mico para meter numa destas. Estou sempre a dizer-lhe que vamos trocados dentro do carro, o meu lugar é o do piloto!! Vai ser um grande momento para nós, pois nunca tripulamos um carro com estas características nem tivemos assistência de uma equipa da dimensão da Peres Competições. Temos a certeza que vai ser extremamente divertido para nós, um evento a recordar por muitos e bons anos pois a nossa vida profissional não nos permite ambicionar participações regulares".