faceralis

 

posvendaclick

Sul

fotossilvesrf111Fotos: Rui Fonseca
Evento: Rali Cidade de Silves 
Data: 3 e 4 de Dezembro 2011
Site: -

RALI CIDADE DE SILVES
(Fotos Mondegosport - 06/12/2011)

soltassilves121Se o troço de Silves era muito rápido, já o troço da Cumeada era algo perigoso mas muito bonito. Parte do troço passava junto a uma barragem (do Arade) proporcionando grandes imagens numa paisagem fantástica.

Pedro Conde fez no Rali de Silves o seu 100º rali na carreira como navegador de ralis. A sua estreia como navegador foi no Rali de Reguengos de Monsaraz, do Regional Sul, tendo já se sentado ao lado de diversos pilotos passando pelo Regional, Open, Nacional e Mundial.

Poucas duplas se podem gabar de fazer, no conjunto piloto e navegador, 141 anos. Jaime Falcão e a sua navegadora nesta prova Nirce Araújo conseguiu totalizar essa idade. Para que todos soubessem colocaram essa inscrição bem na frente do pequeno Rover.

Por ser muito rápido o troço de Silves causou muitos calafrios aos pilotos. Porém, quase todos passaram por este troço sem problemas, menos Orlando Bule que deixou a traseira do seu Mitsubishi muito mal tratada de pois de um toque numa casa.

No parque de assistência do Regional Sul para além de todo o material que serve para dar assistência ao carros de ralis, não falta também alguns "equipamentos" para dar assistência gastronómica. Normalmente os grelhados proliferam um pouco pelas diversas tendas, mas os rissóis, os pastéis de bacalhau e os croquetes também têm muita saída. Vinho e o indispensável medronho também marcam sempre presença. Certo é que ninguém fica com fome...

brevessil11Das fraquezas se fazem as forças. Que o diga o Clube Automóvel de Portimão, que não só saiu a ganhar bastante por ter saído dos troços de Portimão para passar para os de Silves, como aproveitou bem o facto de ter pouco mais de 20 participantes. É que os pilotos ao partirem de minuto a minuto, permitiu acompanhar na estrada quase todos os troços do rali. Possivelmente, algumas organizações teriam apostado em fazer os concorrentes partir de dois em dois minutos, tentando fazer render o peixe, com prejuízo para o espectáculo. O Clube Automóvel do Portimão está assim de parabéns pela boa opção.

O excelente dia que esteve em Silves foi por certo responsável pela presença de tanto público nos troços desta prova. A super-especial foi interessante e teve também a presença de muito público, revelando mais uma vez que existe interesse pelos ralis no Sul.

Tudo indica que o Regional Sul volte a ter seis provas em 2012. É intenção das organizações (pelo menos do CAP e do ACB) manter as suas provas em 2012, mas é importante esperar pelo que a FPAK vai decidir em termos de regulamento técnico nos regionais para se saber o futuro desta competição.

O Portimonense (clube de Futebol) pode vir a entrar nos ralis do Regional Sul em 2012 com mais força. Um projeto que envolve a futura SAD do clube pode vir a dar vida nova a alguns pilotos de ralis. Esperemos pelo futuro.

Gil Antunes é sempre uma referência no meio dos ralis. Bem disposto e sempre alegre, encarando os ralis para se divertir, o piloto de Sintra foi a Silves mas não conseguiu acabar a prova. Depois de muitos piões na super-especial, uma roda resolveu ganhar vida própria no quinto troço levando o simpático piloto a fazer de escuteiro na procura da roda.

fotossilves112Fotos: Ralis Online
Evento: Rali Cidade de Silves - Super Especial
Data: 3 e 4 de Dezembro 2011
Site: -

RALI CIDADE DE SILVES
(Fotos Ralis Online - 04/12/2011)

teodsilves11Terminou em alta o Campeonato Regional de Ralis Sul, com uma prova espectacular, emocionante quanto ao vencedor, e apesar dos poucos concorrentes muito público compareceu nos troços.

Ao vencer a super-especial de abertura, Daniel Nunes entrou ao ataque na prova, posição que foi conseguindo manter ao longo de quase todo o rali. Contudo, um problemas de travões, levou o piloto de Sintra a disputar o derradeiro troço sem travões (apenas trabalhava o travão de mão), perdendo muito tempo para Teodósio que conseguiu assim a vitória mais suada da temporada.

O algarvio vez uma prova em que o espectáculo esteve primeiro. Contudo, o piloto do Evo IV teve sempre problemas com os pneus (chegou a fazer um pião) e apenas com o aproximar do fim do rali os foi solucionando, a tempo de obter mais uma excelente vitória.

Márcio Marreiros apareceu menos agressivo do que nos Casinos do Algarve. Andou bem e sem quaisquer problemas terminou a temporada com um pódio, garantido ainda o vice-título no Regional Sul.

Pedro Lança tudo vez para chegar ao vice-título, terminando este rali no 4º lugar o que lhe permitiu somar o mesmo número de pontos (no Campeonato) do que Márcio Marreiros, mas perdendo no desempate com este, ficando mesmo assim com o titulo nas duas rodas motrizes e terceiro lugar absoluto.

Com uma prova quase sem problemas, apenas registando uma saída de estrada na última curva do rali, Luís Nunes ficou no 5º lugar.

COMANDANTES SUCESSIVOS
Daniel Nunes (1ª à 5ª pec); Ricardo Teodósio (6ª pec)

VENCEDORES DE TROÇOS
Daniel Nunes (2); Ricardo Teodósio (4)

CLASSIFICAÇÃO FINAL
1º Ricardo Teodósio / João Luz – Mitsubishi Lancer Evo IV 28m26,6ss
2º Daniel Nunes / Ricardo Barreto – Mitsubishi Lancer Evo VI a 8,2s
3º Márcio Marreiros / Pedro Conde – Mitsubishi Lancer Evo VI a 1m07,7s
4º Pedro lança / Ricardo Batista – Citroen Saxo a 1m41,7s
5º Luís Nunes / Nelson Ramos – Mitsubishi Lancer Evo VI a 2m16,8s
6º José Carlos Paté / José Gago – BMW 325 IX a 2m37,9s
7º Orlando Bule / Xavier Cahves – Mitsubishi Lancer Evo VII a 2m42,1s
8º Ruben Tabaio / Rui Serra – Ford Escort Cosworth a 2m56,3s

PILOTO DO RALI
Ricardo Teodósio / Daniel Nunes

MOMENTO DO RALI
Problemas de travões no derradeiro troço para Nunes

MENOS DO RALI
Poucos participantes

RALIS ONLINE TV

RALIS ONLINE TV 2