faceralis

 

guiaaft

CPR


cardeiraApós a tradicional pausa de verão, o Campeonato de Portugal de Ralis está de regresso e a dupla Rafael Cardeira/André Couceiro volta ao Renault Clio R3T para disputar o Rali Terras d'Aboboreira, com objetivos bem delineados e muita vontade de continuar o bom trabalho feito até aqui na adaptação ao carro da marca francesa.

Depois da estreia a grande nível no Rali de Castelo Branco, onde subiu ao pódio da Classe RC3, sendo quarto classificado entre os carros de Duas Rodas Motrizes, Rafael Cardeira não tem dúvidas sobre a forma de abordar o próximo desafio da temporada, o Rali Terras d'Aboboreira: "Acima de tudo temos de continuar o bom trabalho que realizámos em Castelo Branco. Esta temporada todas as provas serão de adaptação ao carro, uma vez que há sempre novidades e coisas que estamos a aprender e compreender no Renault Clio R3T. Este será mais um desafio onde não podemos colocar em causa as boas sensações que tivemos no último rali", começou por dizer o piloto antes de falar da prova propriamente dita: "É um regresso a uma prova que nos traz boas recordações, uma vez que foi aqui que nos sagramos Campeões Nacionais em 2018, na classe RC5. Um rali com novos troços, muito rápido e onde vamos tentar lutar pelo pódio", explicou o piloto do Sporting Clube de Portugal.

netoabobDepois de perder uma vitória quase certa no Rali Vinho Madeira, Paulo Neto / Vitor Hugo querem no Rali Terras D´Aboboreira, próxima prova do Campeonato de Portugal de Ralis, terminar e tentar obter o máximo de pontos entre os concorrentes das duas rodas motrizes.

Ultrapassado que está o desaire da prova passada, Paulo Neto / Vitor Hugo enfrentam agora um novo desafio no Rali Terra D´Aboboreira (em 2018 chamava-se Rali Amarante Baião), prova que está bastante alterada face à edição de 2018, mas na qual querem acima de tudo atingir o pódio final e somar o número máximo de pontos.

"Com a desistência no Rali Vinho Madeira ficamos mais longe dos nossos objetivos para esta temporada, mas mesmo assim ainda temos algumas hipóteses matemáticas de lutar pelo título nas duas rodas motrizes, embora sinceramente é um assunto que para nós está praticamente arrumado", assume Paulo Neto, referindo que "nesta prova vamos apostar em ser muito consistentes e como não temos nada a perder em termos de resultados vamos tentar andar o melhor possível e ser competitivos dentro dos carros de duas rodas motrizes, até porque nesta prova temos uma concorrência acrescida. Por falar em concorrência, queria desde já deixar aqui um abraço ao Daniel Nunes, e rápidas melhoras do acidente de viação em que esteve envolvido".

Quanto ao Rali Terra D´Aboboreira, Paulo Neto realça que "existem muitas novidades nos troços face à edição de 2018, pelo que acaba por ser um rali praticamente novo. Porém, o tipo de piso e o desenho dos troços são semelhantes, pelo que sabemos que vamos ter um rali muito exigente, em algumas zonas muito rápido, mas onde será necessário ter boas notas para se conseguir ser competitivo. Em 2018 um problema mecânico deixou-nos fora de prova quase no final da prova, pelo que este ano esperamos ter mais sorte".

A Paulo Neto Sport conta com a assistência técnica da P&B Racing e dos parceiros Weber, Baxi, Dominó, Listor, Italbox, Quantinfor, Total, Vitarte, Banhoazis, Peçintra e Cision, para esta temporada no Campeonato de Portugal de Ralis.

aboboreira19

Troços e Horários Rali Terra D´ABoboreira, sétima prova do Campeonato de Portugal de Ralis 2019, que vai para a estrada dias 6 e 7 de setembro.

 

 

 

 

 

 

aboreirahorarios19

teoRicardo Teodósio e José Teixeira vão alinhar no asfalto do Rali Terras D'Aboboreira (6 e 7 de setembro), sétima prova do Campeonato de Portugal de Ralis. Os líderes do campeonato não nomearam esta prova para pontuar, mas querem dar espetáculo com o Skoda Fabia R5 e maximizar o retorno dos patrocinadores.

A antepenúltima prova do CPR será uma espécie de teste em competição para Ricardo Teodósio e José Teixeira, que estarão em Amarante focados em preparar da melhor forma as duas últimas rondas do campeonato, o Rali Vidreiro e o Rali Casinos do Algarve, respetivamente. Para isso, a dupla algarvia quer utilizar o Rali Terras D'Aboboreira para manter o ritmo ao volante do Skoda Fabia R5 e dar o máximo retorno possível aos patrocinadores da equipa, num evento que atrai normalmente milhares de espectadores.

"No início do ano decidimos não incluir este rali na lista de provas para pontuar, mas achámos que seria uma boa oportunidade para dar retorno aos parceiros e patrocinadores da equipa, que são peças fundamentais para o nosso sucesso. O Rali Terras D'Aboboreira tem normalmente muito público, e vamos aproveitar também para experimentar algumas coisas no carro. Toda a gente sabe que estamos focados no Rali Vidreiro e no Rali Casinos do Algarve, que são as provas que vão decidir o título. Ninguém pode dizer que não fizemos o trabalho de casa", afirmou o popular piloto da Guia, que este ano já venceu o Rali Serras de Fafe e o Rali de Mortágua.

gilabE já lá vão duas vitórias, em cinco provas, para Gil Antunes e Diogo Correia. Mas a dupla do Campeonato de Portugal de Ralis Duas Rodas Motrizes não quer ficar por aqui e vai atrás do triunfo no Rali Terras D'Aboboreira.

A jornada em piso de asfalto, que arranca a 6 de setembro, pode permitir à dupla atingir o objetivo máximo: o de chegar à liderança da competição. Em termos absolutos ocupam o segundo posto, já em RC3 são os candidatos a derrotar.

"No ano passado, no regresso desta prova ao escalão máximo da modalidade, rodamos a um ritmo que nos deixou satisfeitos, mas, infelizmente, a nossa toada não se traduziu num melhor resultado. Por isso, este ano, e aproveitando o embalo da Madeira, queremos chegar ao lugar mais alto do pódio e já demos provas de que o conseguimos fazer", acrescentou o piloto.

Esta é a terceira ronda em piso de asfalto e o Renault Clio R3T está "em forma" para enfrentar as estradas das Terras do Marão. "Os testes que fizemos antes do rali, que se apresenta com um figurino renovado, correram da melhor forma por isso estamos confiantes", disse o navegador.

Mais do que os resultados desportivos, interessa o ambiente de companheirismo que sempre se viveu nos ralis. Com isso em mente, a equipa quer deixar votos de rápidas melhoras ao piloto Daniel Nunes, que se encontra a recuperar de um acidente de viação.

O Rali Terras D' Abobobeira representa, ainda, mais uma prova em que vão ser acumulados quilómetros que se traduzem, posteriormente, em legumes e frutas para a Casa do Gil.

RALIS ONLINE TV

RALIS ONLINE TV 2