faceralis

 

posvendaclick

WRC

Merksteijn_JR311O jovem holandês Peter Van Merksteijn Jr. vai participar em 10 provas do WRC, com um carro de fábrica proveniente da Citroën Racing. O seu DS3 WRC vai ser idêntico ao de Loeb e Ogier, onde estarão todos à partida no próximo Rally da Suécia.

Gerard Grouve (Director e Team manager da Van Marksteijn Motorsport): "Vencemos o campeonato holandês com o Bernhard Ten Brinke e agora estamos focalizados em preparar a temporada 2011 no WRC. O regulamento foi alterado dramaticamente e queremos estar totalmente preparados no inicio da temporada. Contudo, as opções disponíveis eram limitadas pois, haviam poucos carros disponíveis para a próxima temporada. Por isso, estamos muito contentes porque o Peter vai ter uma oportunidade única de participar no WRC com um DS3 da Citroën Racing."

Peter Van Merksteijn Jr.: "Nos últimos anos não foi possível libertar-me completamente dos meus compromissos profissionais para efectuar rallies e quando começasse a sério, queria fazê-lo do melhor modo. Para 2011, vou estar completamente dedicado aos rallies pois, foi-me dada uma oportunidade única de conduzir um carro de fábrica. O novo carro da Citroën, o DS3 WRC, parece-me ser um super carro de rally. Afinal, o campeão do mundo, Sébastien Loeb, tem total confiança no DS3 WRC. Tenho 10 eventos programados para o próximo ano, onde vou poder marcar pontos para o campeonato. Estou ansioso por começar a temporada com o nosso plano de eventos programados mas, em especial pelo Rally da Austrália."

Peter Van Merksteijn (senior) também vai efectuar alguns eventos com um Citroën DS3 WRC mas, não tantos quanto o seu filho.

Esperemos que Petter Solberg também consiga os apoios para estar à partida do próximo Rally da Suécia com um DS3 pois, diz-se que a Citroën apenas terá quatro carros prontos para o evento nórdico.

Colaboração Ricardo Nascimento

minisardeA Prodrive está de momento, numa fase intensiva no programa de testes com o Mini Countryman WRC. Antes de seguir ruma à Sardenha, foi feito um pequeno shakedown nas instalações do preparador britânico.

"Basicamente, foi para verificar tudo antes dos testes na Sardenha", explica Kris Meeke. "O carro foi todo desmontado e reparado após o último teste. Faria pouco sentido carregar o carro no camião e seguir rumo à Sardenha sem saber se estava tudo a trabalhar bem. Também alteramos alguns aspectos no carro. Eu pedi para modificar o ângulo do volante e mover um pouco o selector da caixa de velocidades, para ver como ficava antes de viajarmos."

Após as primeiras passagens na sessão de teste na Sardenha em pisos de asfalto, com Kris Meeke ao volante do novo Mini, o piloto britânico começou a sentir-se cada vez mais familiarizado com o carro.

"Quando olhei pela primeira vez para dentro do carro, pensei que o banco estava muito chegado para trás. Mas quando me sentei nele, senti-me em casa e podia sentir todos os cantos do carro. Após vários quilómetros, crescemos com o carro. A beleza nisto tudo é estar envolvido neste projecto desde o inicio. É processo fascinante estar envolvido nisto." - disse Meeke

Foi introduzida uma nova asa posterior (proveniente do Subaru Impreza S14) e um novo pára-choques dianteiro com novas entradas de ar. Ainda em solo britânico, Meeke já tinha ficado encantado com o comportamento do carro e começou de imediato a descrever ao diretor técnico da Prodrive, David Lapworth, a sensação de pressão aerodinâmica gerada pelos Spolier traseiro.
Meeke pareceu não querer divulgar muito em relação ao desempenho do carro neste momento, mas é razoável supor que está longe de ser ideal, dada a sua falta de execução no asfalto.

No entanto, sobre o motor já foi mais expressivo: "Estou muito contente com o motor, e apesar de ainda estar em fase de evolução intermédia, acho que todos se vão surpreender com o que podem oferecer os novos 1.6 Turbo. Em termos de andamento os novos WRC não estarão muito longe dos WRC 2.0. É verdade que perdemos muito com o binário, porque o ano passado poderíamos ter até 5 bar de pressão no turbo e a nova regulamentação limita para 1,5, o que será uma diminuição significativa no binário, mas a verdade é que a potência não será afetada, pelo que no geral não se vai perder mais do que 10-15%."

Os testes continuam durante esta semana na Sardenha mas, agora, em pisos de gravilha onde até já se juntou outro piloto aos testes, o espanhol Daniel Sordo. Segundo alguns rumores que diziam que Sordo já tinha assinado com a equipa britânica, tal não aconteceu mas, no entanto, acredita-se que deverá ser a melhor opção para o espanhol.

Hoje o site WRC revela que Armindo Araújo poderia tripular também este carro em Portugal e que poderia estar em conversações com a Mini. O português diz que estáem conversações com a prodrive e com outras várias equipas.

Colaboração Ricardo Nascimento
Foto: motorsport.com

wrc2011Terminada a temporada 2010 do Campeonato do Mundo de ralis, os olhares viram-se já para o que vem aí de novo para 2011.

Já se sabe que vão existir novos carros, mas nem tudo está definido nesta fase.

Para além das equipas oficiais, que existem ainda muito outros projectos que poderão vir a preencher as listas de inscritos da maioria das provas para 2011.

Aqui fica uma antevisão de quais poderão vir a ser as forças em presença no WRC 2011.

CITROËN RACING TOTAL WRT
Sébastien Loeb - campeão por sete vezes consecutivas, poderá fazer a sua última temporada no wrc;
Sébastien Ogier - foi promovido a segundo piloto da equipa, podendo ser um digno substituto de Loeb no futuro.

RÄIKKÖNEN/ CITROËN JUNIOR TEAM
Kimi Räikkönen - ainda não tem a sua situação definida com a Red Bull mas, se tal vier a acontecer, o finlandês poderá permanecer na Citroën mas, existem outras hipóteses.

BP FORD ABU DHABI WRT
Mikko Hirvonen - após uma temporada desastrosa, o finlandês vai continuar a ser uma aposta da Ford;
Jari-Matti Latvala - o vice-campeão 2010 vai querer fazer melhor do que este ano e está muito entusiasmado com o novo Fiesta;
Kahlid Al-Qassimi - ainda não está confirmado mas, deverá efectuar novamente a temporada 2011 quase completa pois, costuma trazer muitos milhões à equipa.

PRODRIVE MINI
Kris Meeke - foi o único piloto confirmado oficialmente pela Prodrive, para um programa de 6 ou 7 eventos;
Daniel Sordo ? - os últimos rumores ligam o piloto espanhol à Prodrive, para ser companheiro de equipa de Meeke mas, ainda não é oficial.

PETTER SOLBERG WRT
Petter Solberg - depois de uma boa temporada, o norueguês não sabe o que vai acontecer em 2011. Falta de tempo com a família e a escassez de patrocinadores, poderão colocar um ponto final nos rallies. Como segunda hipótese, Solberg pensa nas provas de circuitos.

STOBART FORD WRT
Matthew Wilson - tinha um plano de se tornar campeão nos últimos cinco anos mas, como consta, tal não aconteceu nem está perto de o fazer. De qualquer forma, o "slowsun" fará nova temporada completa
Henning Solberg ? - ainda está à espera de conseguir o budget necessário mas, o norueguês está confiante nos seus patrocinadores, para efectuar mais uma temporada com a Ford
Per-Gunnar Andersson ? - era dado como uma das hipóteses na Mini mas, devido aos últimos rumores que ligam Dani Sordo à Prodrive, o piloto sueco não vai desistir e um lugar na Ford era do seu agrado.

MONSTER FORD
Ken Block - após um ano de aprendizagem que não correu muito bem, o piloto norte americano vai efectuar a sua segunda temporada com o novo Fiesta RS WRC
Chris Atkinson ? - embora ligado à Proton, o piloto australiano tinha a possibilidade de ser companheiro de equipa de Block para 2011 mas, nada se tem falado sobre o assunto.
Kimi Räikkönen ? - para além da Red Bull, o manager do finlandês disse estar em negociações com outro eventual patrocinador e segundo alguns rumores, seria a Monster Energy Drink. Se tal vier a acontecer, o ex-piloto de formula 1, poderá fazer equipa com Ken Block, o que poderá deixar Atkinson sem carro.

MUNCHI'S FORD
Federico Villagra - ainda não assinou contrato mas, fontes vindas da Argentina, garantiram que o projecto vai avançar por mais uma temporada.

ADAPTA MOTORSPORT
Mads Ostberg - já confirmou marcar presença em 2011 com o novo Ford. O seu programa ainda não foi divulgado mas, o Rally da Suécia já está confirmado.

IPATEC FORD
Dennis Kuipers - após um ano com o Fiesta S2000, o jovem holandês que vai completar 25 anos, já confirmou 10 eventos com o Fiesta RS WRC. O seu programa será divulgado nas próximas semanas.

Colaboração Ricardo Nascimento

gmralis10Segundo o site www.autoevolution.com o braço europeu da General Motors vê com bons olhos o regresso da marca ao WRC ou mesmo ao DTM.

Para Nick Reilly, Presidente da GM na Europa, "o desporto automóvel é uma área importante e uma empresa como a nossa deve estar presente", escreve o referido site citando a Autonews, que é uma fonte de informação muito credível.

O recente titulo da Chevrolet no WTCC foi importante para GM ter a percepção de quanto é importante desenvolver a imagem de marca por via do desporto automóvel.

Para já não foram mencionados as marcas da GM que poderão competir no WRC.

madsosterA Adapta Motorsport confirmou uma nova colaboração com a M-Sport que colocará Mad Ostberg, ao volante de um novo Ford Fiesta RS WRC na próxima temporada do World Rally Championship, tendo o sueco Jonas Andersson como navegador.

O norueguês de 23 anos de idade, já conduziu este ano por duas vezes, um Fiesta S2000 da M-Sport no Rally da Alemanha e em França. Ostberg gostou muito da condução do Fiesta e, como tal, a Adapta chegou a um acordo em expandir a sua ligação com a equipa baseada no Reino Unido.

Ainda estão alguns detalhes por confirmar em relação ao programa 2011 mas, Ostberg e Andersson vão estar presentes no próximo Rally da Suécia, a prova inaugural do campeonato.

Mads Ostberg: "Eu gostei muito de conduzir o Ford Fiesta S2000 em França e na Alemanha e estou muito contente por ter esta oportunidade de conduzir o novo Fiesta WRC na próxima temporada. Eu sei que a competição vai ser dura no próximo campeonato e, por isso, sinto-me com muita sorte por ter conseguido este acordo entre a M-Sport e a Adapta nesta fase. Não tenho muita experiência em trabalhar com uma equipa grande como a M-Sport mas, sei que são muito profissionais. Estou muito agradado com o acordo e estou ansioso pelo próximo ano."

Morten Ostberg (Director da equipa Adapta Motorsport): "Este é o passo lógico para o Mads tomar em 2011. Tivemos uma agradável sensação com o Ford Fiesta S2000 após o Rallye de França e nós estamos procurando construir uma colaboração com a M-Sport no futuro, para ajudar a desenvolver a nossa equipa no mercado escandinavo."

Colaboração Ricardo Nascimento

Malcolm Wilson: "É optimo dar as boas vindas ao Mads, ao Jonas e à equipa Adapta na família da M-Sport em 2011. O Mads e o Jonas adaptaram-se bem ao ambiente de uma equipa grande na Alemanha e com as novas regulamentações técnicas, sentimos que é o tempo certo para o Mads dar o próximo passo no seu desenvolvimento como piloto."