faceralis

 

WEBINAR Prancheta-1-copia-6

Nacional

gagollanes14Diogo Gago e Jorge Carvalho não tiveram uma prova fácil em Llanes, com a dupla portuguesa a terminar o Rallye de Llanes no nono posto entre os concorrentes da Copa Suzuki

Depois da presença na FIA Young Driver Excellence Academy, Diogo Gago chegava motivado a Llanes, mas a preparação da prova não decorreu da melhor forma, o que acabou por condicionar a prova do jovem piloto de São Brás de Alportel.

O jovem piloto algarvio começou por dizer "não conseguimos preparar esta prova da forma que é habitual e correndo num rali que não conhecíamos, contra uma concorrência sempre muito forte, já sabia que iria ser uma prova difícil para nós".

Diogo Gago e Jorge Carvalho não foram tão rápidos como é habitual e isso revelou-se prejudicial em termos de resultado, com a dupla a não ir além do nono posto final.

Após a prova, o piloto que conta com os apoios de Hotel Pedras Rubras, Pedro Pinto Automóveis, Mariscos Galvão e Município de São Brás de Alportel dizia-nos "a prova não correu da forma que pretendíamos. Praticamente não consegui recuperar para a prova e em momento algum durante o rali estive ao nível do que posso fazer. Confesso que tive mesmo muitas dificuldades em concentrar-me e isso prejudicou-nos muito em termos de andamento. Não consegui estar ao meu nível, pelo que tenho que pedir desculpa aos meus patrocinadores e á minha equipa por não ter podido lutar pelos primeiros lugares. Agora só quero recuperar o mais rapidamente e regressar aos bons resultados".

Diogo Gago e Jorge Carvalho estarão de regresso á competição dentro de duas semanas, onde estarão presentes no Rallye Terre de Cardabelles, prova de terra da 208 Rally Cup.

gagoespanh14No final da semana que marca o seu ingresso no FIA Young Driver Excllence Academy, o algarvio Diogo Gago não pára, tendo no próximo fim-de-semana encontro marcado com mais uma ronda da Copa Suzuki Swift Espanha.

Num final de semana que será verdadeiramente a correr, o piloto algarvio deverá chegar a Portugal na noite de quinta-feira, seguindo depois para o Rallye Villa de Llanes a fim de realizar os reconhecimentos.

O jovem piloto algarvio começa por dizer que "será um final de semana algo cansativo, pois vou chegar directo do FIA Young Driver Excellence Academy para o Rallye Villa de Llanes sem tempo para recuperar, mas por outro lado chego muito motivado e muito satisfeito, pois esta situação deve-se ao facto de estar a representar o nosso país num evento muito importante da entidade máxima que rege o desporto automóvel mundial".

Sobre esta prova em particular, Diogo Gago que conta com os apoios de Hotel Pedras Rubras, Pedro Pinto Automóveis, Mariscos Galvão e Município de São Brás de Alportel diz-nos "que por todas as razões esta prova será mais difícil para nós. Como aconteceu em todas as outras provas, esta será mais uma prova nova, mas a questão para nós é mesmo o tempo, pois não vamos ter muito pouco tempo para poder reconhecer a prova. De qualquer forma, vamos procurar fazer tudo com o profissionalismo habitual e esperar conseguir realizar uma bom rali".

Diogo Gago e Jorge Carvalho vão assim reconhecer a prova na próxima sexta-feira, para no sábado disputarem o Rallye Villa de Llanes composto por dez provas especiais de classificação que totalizam cerca de cento e setenta e cinco quilómetros contra o cronómetro.

espanharalister14O Campeonato de Espanha de Ralis de Terra regresso de férias para a disputa da quinta e pneultima prova da temporada com o Rally Ciudad de Cervera.

O dominador absoluto desta prova catalã foi Ni Solans com um Mitsubishi Lancer Evo X, pois colocou na liderança na primeira especial e consegui o melhor "crono" em seis dos oito troços que compunham a prova, logrando o jovem piloto obter a sua a sua primeira vitória absoluta no Nacional de Terra.

A Mitsubishi materializou um grande resultado, já que outros dois Lancer Evo X, completaram o pódio, com Jorge del Cid que superou Jord Gaig na parte final da prova.

Após o segundo lugar Jorge del Cid fica a quatro pontos de Amardor Vidal nas contas do campeonato, que nesta prova foi sétimo mas teve que se empenhar a fundo para recuperar alguns lugares depois de ver o barço da suspensão do seu Polo Porto partir.
Por isso a emoção está ao rubro para a derradeira prova, que se disputará em Riobolos em meados de novembro.

Colaboración Miguel Álvarez

gagomonte14Diogo Gago e Jorge Carvalho não foram felizes na edição deste ano do Rally du Mont Blanc, vindo a desistir quando lutavam pela vitória entre os Juniores no competitivo 208 Rally Cup, troféu monomarca organizado pela Peugeot Sport.

A dupla portuguesa entrou bem na primeira etapa da prova, mas problemas de travões nas duas especiais seguintes fizeram-nos cair para fora dos dez primeiros. Diogo Gago e Jorge Carvalho viriam a ter uma segunda metade de primeiro dia bem mais positiva, acabando por recuperar até ao sétimo posto e segundo dos juniores no final da primeira etapa.

Para este segundo dia de competição e com a diferença entre quinto e décimo primeiro a cifrar-se em apenas dez segundos, a dupla portuguesa sabia que as cinco especiais que faltavam disputar iriam ser uma vez mais bastante competitivas. A luta pela primeira posição entre os juniores estava claramente em aberto, mas uma saída de estrada que aparentemente não iria resultar em quaisquer consequências, acabou por ditar o abandono a meio da derradeira etapa.

Conforme nos contou o jovem piloto que conta com os apoios do Hotel Pedras Rubras, Q&F-Lda, Mariscos Galvão, Pedro Pinto Automóveis e Município de São Brás de Alportel dizia que "sabíamos que este segundo dia iria ser uma vez mais bastante competitivo e queríamos sair daqui com mais um bom resultado em termos dos juniores, mas infelizmente não foi isso que aconteceu. Num dos troços tivemos uma saída sem consequências para um campo aberto, mas quando procurávamos regressar á estrada, acabámos por dar um toque numa pedra que estava escondida pela vegetação e a nossa prova terminou ingloriamente".

Diogo Gago revela-se "triste pelo sucedido, não só por nós, mas principalmente pelos nossos patrocinadores e pela nossa equipa, a Pit Stop France que nos voltou a entregar o Peugeot 208 R2 em perfeitas condições. Agora há que pensar nos nossos próximos desafios e procurar repetir os bons resultados que alcançámos nas provas anteriores da 208 Rally Cup".

Diogo Gago e Jorge Carvalho regressarão á 208 Rally Cup em Outubro próximo para a realização do Rally Terre des Cardaballes, mas ainda antes será anunciado mais um importante momento para a carreira do jovem piloto algarvio.

gagofr14Depois de duas excelentes participações este ano nas provas de terra da 208 Rally Cup, Diogo Gago e Jorge Carvalho estão agora de regresso ao Rally du Mont Blanc, prova de asfalto pontuavel para o troféu organizado pela Peugeot Sport.

Com pódios absolutos e vitória na Júnior, Diogo Gago e Jorge Carvalho chegam a Mont Blanc muito motivados, mas igualmente conscientes que nas provas de asfalto a competitividade é ainda mais alta e as expectativas são agora um pouco mais moderadas, para aquela que será a sua primeira prova neste tipo de piso com o Peugeot 208 R2, viatura que não guia em asfalto desde Novembro do ano passado.

Mont Blanc costuma ser um dos principais ralis em França e a prova disso mesmo está na numerosa lista de inscritos, que ao nível da 208 Rally Cup conta com mais de duas dezenas de Peugeot 208 R2.

Começando por antever a prova, o piloto de São Brás de Alportel comentava que vai "motivado, mas consciente que não nos espera uma tarefa fácil. Vão regressar vários pilotos e isso faz com que o nível competitivo ainda fique mais alto, o que é sempre positivo."

O jovem piloto que conta com os apoios de Hotel Pedras Rubras, Q&F-Lda, Mariscos Galvão, Pedro Pinto Automóveis e Município de São Brás de Alportel dizia ainda que "este Rally du Mont Blanc é uma prova complicada e bastante imprevisível, pois as condições metereológicas geralmente são muito instáveis. Nós como sempre vamos dar o nosso melhor e procurar sair da prova com mais alguns pontos importante no campeonato, procurando assim capitalizar os bons resultados nas duas provas de terra que realizámos".

O Rally du Mont Blanc vai para a estrada nos dias 5 e 6 de Setembro, com as duas etapas a reservarem um total de quase duzentos quilómetros cronometrados, divididos por dez provas especiais de classificação.