faceralis

 

posvendaclick

haldoc4111O campeonato belga arrancou no sábado com os pisos muito escorregadios do Rally van Haspengouw, contando com novas viaturas World Rally Cars que continuam a ser permitidas na Bélgica.

Pieter Tsjoen apresentou-se à partida com um Citroën C4 WRC ex-oficial, dominando o rally do principio ao fim ao vencer 12 dos 15 troços que compunham o rally.

A surpresa do evento veio por parte de Jonas Langenakens que após vencer o terceiro troço com uma viatura de produção, subiu para a segunda posição. O piloto que tripula um Mitsubishi, chegou a passar momentaneamente para terceiro mas, viria a recuperar de novo e terminar num excelente segundo lugar final.

Alexandre Romain também adquiriu um Citroën C4 mas, não esteve à altura de Tsjoen com viatura idêntica. Romain cometeu um erro que quase o colocou fora do rally e teve muitas dificuldades em debater-se com Langenakens mas, num esforço final, permitiu que conseguisse obter a terceira posição no derradeiro troço.

LÍDERES DO RALLY:
Pieter Tsjoen (SS1 a 15)
VENCEDORES DE TROÇOS:
Pieter Tsjoen (12); Jonas Langenakens (1); Bernard ten Brinke (1); Raphael Auquier (1); Alexandre Romain (1)

RALLY VAN HASPENGOUW
1º Pieter Tsjoen/Eddy Chevaillier (B) Citroen C4 WRC 1h24m31,9s
2º Jonas Langenakens/Kenneth Delvaux (B) Mitsubishi Lancer Evo X +3m45,8s (1º N4)
3º Alexandre Romain/Nicolas Gilsoul (B) Citroen C4 WRC +4m05,3s
4º Melissa Debackere/Cindy Cokelaere (B) Subaru Impreza WRC S12B +4m06,7s
5º Bernhard ten Brinke/Davy Thierie (NL) Skoda Fabia S2000 +4m53,1s (1º S2000)
6º Raphael Auquier/Laurent Dujacquier (B) Mitsubishi Lancer Evo X +4m59,4s (2º N4)
7º Marc Streel/Ludo L'Hoyes (B) Mitsubishi Lancer Evo 6.5 +5m47,4s
8º Kris Princen/Bram Eelbode (B) Renault Clio R3 +6m17,0s (1º R3C)

PONTUAÇÃO
1º Pieter Tsjoen 20, 2º Jonas Langenakens 18, 3º Alexandre Romain 14, 4º Bernard ten Brinke 13, 5º Melissa Debackere 11, Raphael Auquier 11, Kris Princen 11.

Colaboração Ricardo Nascimento

Não lhe é permitido comentar.