faceralis

 

posvendaclick

insccrpcpr210Nos regulamentos dos Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) e Campeonato de Portugal de Ralis 2L/2RM (CPR2) de 2011, consta a obrigatoriedade da pré-inscrição nos respectivos Campeonatos, para que os Condutores (e respectivos 2os. Condutores) possam obter pontuações para cada um dos Campeonatos, segundo os resultados que obtenham nas provas de cada um dos Campeonatos em que participem.

No sentido de esclarecer eventuais dúvidas, será condição suficiente, e exactamente da mesma forma como se verificou em 2010, a inscrição apenas num dos Campeonatos (Campeonato de Portugal de Ralis ou Campeonato de Portugal de Ralis 2L/2RM de 2011) para que um Condutor possa obter, segundo as normas constantes dos respectivos regulamentos, pontuações para os dois Campeonatos, nas provas em que participe,

Como exemplo, um Condutor inscrito oficialmente no Campeonato de Portugal de Ralis 2L/2RM de 2011 e que participe numa prova que simultaneamente seja pontuável para os CPR e CPR2, obterá pontuações quer para o CPR 2 (Absoluto e Grupo 1600 ou 2000 cc), quer para o CPR (Absoluto e Grupo Produção ou Turismo).

Como é lógico, a mesma situação se verificará, para o caso de um Condutor inscrito oficialmente no Campeonato de Portugal de Ralis e que participe numa prova que simultaneamente seja pontuável para os CPR e CPR2, o qual pontuará igualmente para os dois Campeonatos, desde que nelas participe com uma viatura que respeite as normas regulamentares do CPR 2.

No entanto, um Condutor inscrito no Campeonato de Portugal de Ralis 2L/2RM que participe numa prova do CPR (pontuável ou não também para o CPR 2) com uma viatura de cilindrada superior a 2000 cc ou com quatro rodas motrizes, não obterá nesse caso qualquer pontuação para nenhum dos Campeonatos.

Comunicado FPAK

Não lhe é permitido comentar.