faceralis

 

posvendaclick

francalogo10O Rali de França, que vai para a estrada no próximo fim-de-semana, mudou-se este ano de armas e bagagens da Córsega para a região da Alsácia, apresentando uma prova totalmente nova no Mundial de Ralis.

A maior concindência desta situação está no facto de Sebastien Loeb ser originário desta região, chegando o francês a este rali com a possibilidade e arrecadar o sétimo título mundial à porta de casa.

Para tal suceder basta a Loeb ganhar apenas 7 pontos a Sebastien Ogier, mas face ao domínio que tem demonstrado nas provas de asfalto é bem provável que o francês junte uma vitória à conquista do título.

Destaque ainda a presença de Armindo Araújo, Nuno Barroso Pereira (que nesta prova será navegado por Luís Ramalho) e de Bernardo Sousa que irão integrar as competições de suporte (PWRC e SWRC).

Mais informações do Rali de França estão disponíveis no site oficial da prova.

Não lhe é permitido comentar.