faceralis

 

ANUARIO123

mourapleno10O Rali Ilha Lilás, pode ter fechado a temporada 2010 do CAR pois, o Grupo Desportivo Comercial, ainda não garantiu a realização da última prova do campeonato, por falta de apoios.

Ricardo Moura e Sancho Eiró venceram o sexto rally consecutivo em 2010, ou seja, todos os que foram disputados na presente temporada. Os já campeões 2010, não se livraram de um susto pois, ao cortarem uma curva em demasia, acabaram por furar e perderam a liderança momentaneamente. No troço seguinte, Moura retomou a posição de líder e nunca mais a perdeu, acabando por vencer mais uma edição do Lilás.

Gustavo Louro efectuou um excelente rally, venceu dois troços e deu muita luta ao campeão. Louro terminou a 14,8s de Moura e demonstrou de novo a falta que faz no campeonato.

Pedro Vale conseguiu terminar no último lugar do pódio e cumpriu os objectivos de ser vice-campeão, com um carro que vai perder a homologação no final deste ano.

Luis Miguel Rego esteve envolvido numa grande luta com Sérgio Silva pois, ambos trocaram de posições por diversas vezes. Na última especial do rally, Rego efectuou um excelente tempo, conseguiu passar Silva e por 2,5s não conseguiu alcançar Pedro Vale.

Hermano Couto realizou a melhor prestação da temporada, ao terminar na sexta posição, após o abandono do jovem César Silva que sofreu um despiste.

A luta pela formula 3 esteve muito animada desde o inicio, com várias trocas na liderança quase até ao fim. Após César Silva ter desistido, Carlos Costa passou para a frente da competição, tendo Fernando Meneses e Henrique Moniz no seu encalço. Na penúltima especial, Costa abandonou e Meneses perdeu muito tempo com problemas, permitindo que Henrique Moniz vencesse a classe, terminando num bom sétimo lugar da geral.

Olavo Esteves terminou em oitavo e venceu na formula 2 mas, o título ficou nas mãos de João Faria que efectuou uma prova muito calma pois, não precisava de arriscar para se sagrar campeão.

Ricardo Carmo começou bem o rally mas, um furo na segunda especial do dia, atirou o piloto da Terceira para a vigésima nona posição mas, ainda conseguiu recuperar até nono da geral.

Jorge Sousa venceu nos VSH com o sempre bonito Toyota Corolla GT, com uma vantagem de 32,5s para Paulo Rocha (2º) e com pouco mais de 1 minuto para Lisuarte Mendonça (3º).

O rally foi interrompido por diversas vezes devido a despistes de alguns concorrentes mas, a organização resolveu os problemas sem dificuldades, estando o TAC mais uma vez de parabéns.

A rádio horizonte também esteve muito bem, ao disponibilizar um link online da emissão do rally, onde esteve sempre actualizada e conseguiu divulgar muita informação.

LÍDERES DO RALI:
Ricardo Moura (pec 1 a 3); Gustavo Louro (pec 4); Ricardo Moura (pec 5 a 9)
VENCEDORES DE TROÇOS:
Ricardo Moura (7); Gustavo Louro (2)
DESISTENTES
Francisco Costa; Carlos Costa; César Silva; Marco Veredas

CLASSIFICAÇÃO FINAL (link)
1º Ricardo Moura / Sancho Eiró – Mitsubishi Lancer Evo IX 44m05,9s
2º Gustavo Louro / Tiago Azevedo – Subaru Impreza WRX a 14,8s
3º Pedro Vale / Abel Carreiro – Mitsubishi Lancer Evo VII a 1m30,6s
4º Luís M. Rego / Pedro Rodrigues – Mitsubishi Lancer Evo IX a 1m33,1s
5º Sérgio Silva / Paulo Leal – Subaru Impreza WRX a 1m35,5s
6º Hermano Couto / Nelson Dinis – Mitsubishi Lancer Evo VIII a 3m46,6s
7º Henrique Moniz / Pedro Machado – Citroen C2 R2 GT a 4m20,2s
8ª Olavo Esteves / Ricardo Coelho – Renault Clio R3 a 4m43,0s

PILOTO DO RALI
Gustavo Louro
MOMENTO DO RALI
Rápida recuperação de Moura após o 4º troço
MENOS DO RALI
Inexistência de adversários a Moura

Colaboração Ricardo Nascimento

Não lhe é permitido comentar.