faceralis

 

rvmlogo24 madeira

soltagua23Mais interessante do quem anos anteriores, o Free Pratice, Qualifying, Shakedown (existem mais nomes?) acabou por quase não ter relevância desportiva, como aliás sempre acontece. Meeke foi o mais rápido, mas Miguel Correia e Ernesto Cunha não ganharam para o susto com saídas de estrada que felizmente não comprometeram a presença na prova.

Mesmo mudando de lugar (do aeródromo para o recinto junto ao estádio), o Parque de Assistência do Rali da Água continua a ser um profundo "vazio" de público. Aliás, público também praticamente não houve no Free Pratice, Qualifying e Shakedown. Não está fácil para o CAMI motivar pessoas para a estrada.

Marco Oliveira, que conduz um Polo N5 está já a preparar a próxima temporada. O piloto vai manter-se de N5, da RMC, mas irá optar por adquirir uma nova unidade com carroçaria Hyundai. Também para Portugal, está já outro Hyundai i20 N5 a ser preparado. Tudo indica que o Promo em 2024 promete!!!

Sobre os novos troços, nomeadamente os que se realizam em Espanha, Armindo Araújo caracterizou-os de muito rápidos e interessante. No entender de diversos pilotos do CPR, esta edição do Rali da Água poderá novamente ser muito discutida até quase ao final, como aliás tem acontecido habitualmente.

Não lhe é permitido comentar.