faceralis

 

posvendaclick

tgriberiancu1O Rali de Viana do Castelo (8 e 9 de julho) será o primeiro dos quatro compromissos de asfalto da TOYOTA GAZOO Racing Iberian Cup que se realizará esta época.

Até agora, a igualdade tem sido a tendência dominante na copa de promoção da Toyota, já que cada um dos ralis realizados teve um vencedor diferente; o último, a equipa formada por Dani Berdomás e Brais Mirón (Grupo Breogán), que subiu ao topo do pódio no último Rally Reino de León.

Por sua vez, esta primeira prova de asfalto vai estabelecer um novo recorde de inscrições: serão dez pilotos e copilotos que arrancam no dia 8 de julho em Viana do Castelo. A novidade é a presença do piloto português Pedro Lago Vieira, que vai participar com a unidade do Team Caetano.

Estas especiais serão um duro teste para o Toyota GR Yaris, tal como o foram os ralis de terra, onde se obtiveram bons resultados em termos de fiabilidade e onde o GR Yaris esteve regularmente entre os melhores classificados na classificação geral.

Entre as novidades do rali, destaca-se uma especial de 9 quilómetros, que será inédita para todos os participantes. O rali contará ainda com uma super especial em Viana do Castelo, marcada para sexta-feira. No total, os pilotos percorrerão 263 quilómetros, sendo 77 deles divididos em 10 troços cronometrados.

Antes do rali, e com vista a 2023, foi realizado um teste coletivo, onde todos os pilotos inscritos na Taça tiveram a oportunidade de testar diferentes soluções técnicas que serão aplicadas na próxima época, no Toyota GR Yaris RZ.

Não lhe é permitido comentar.