faceralis

 

posvendaclick

netoab2Não está a ser fácil esta fase da temporada 2019 de Paulo Neto / Vitor Hugo, já que no Rali Terras D´Aboboreira, disputado no passado fim-de-semana, voltaram a somar... uma nova desistência.

Numa prova que ficou marcada por diversos contratempos e em que pairou a ideia de que poderia ser adiada face ao risco de incêndio florestal na região em que se disputou, o Rali Terras D´Aboboreira foi mais curto para Paulo Neto / Vitor Hugo, vitimas de uma saída de estrada que os obrigou a desistir.

"Depois do estranho incidente no Rali Vinho Madeira, em que o nosso Citroen DS3 R3T Max saiu de estrada de forma pouco explicável, no Rali Terras D´Aboboreira tivemos um percalço semelhante, com a diferença de este ter acontecido logo na fase inicial do rali, ainda nem metade do primeiro troço estava disputado", conta Paulo Neto, explicando que "ainda numa fase em que estávamos a ganhar ritmo, ao inserir o carro numa curva para a direita o mesmo saiu de frente acabando por cair num buraco, ficando com a nítida sensação que teria sido um problema no pneu da frente do lado esquerdo, sem que tivéssemos tido qualquer situação até ao momento que nos tivesse provocado um furo, tendo posteriormente confirmado que o pneu tinha descolado da jante. Entretanto, depois de uma análise mais profunda, já percebemos a razão do pneu ter descolado da jante e que motivou esta saída de estrada".

Por isso, o Rali Terras D´Aboboreira para Paulo Neto "foi mais uma prova para esquecer, onde não tivemos qualquer hipótese de lutar por nada. É uma situação frustrante depois de tanto empenho e dedicação nosso e da equipa para marcar presença nos ralis. Vamos equacionar a nossa presença prova a prova esta temporada, mas a pensar no projeto para 2020".

A Paulo Neto Sport conta com a assistência técnica da P&B Racing e dos parceiros Weber, Baxi, Dominó, Listor, Italbox, Quantinfor, Total, Vitarte, Banhoazis, Peçintra e Cision, para esta temporada no Campeonato de Portugal de Ralis.

Não lhe é permitido comentar.