faceralis

 

banner-ralis-online 1
 


Começam a faltar adjetivos para caracterizar a época de Carlos Fernandes e Valter Cardoso. No Rali Vidreiro – Centro de Portugal, a dupla do Mitsubishi Lancer Evo VI dominou por completo a prova do Campeonato Centro de Ralis Centro (apesar de não pontuar para o campeonato) e do Desafio Kumho Portugal, sendo cada vez mais líder no troféu da marca sul-coreana.

Em seis ralis disputados este ano, Carlos Fernandes venceu cinco – em Ourém, Vila do Bispo, Santo Tirso, Vinho do Dão e Vidreiro – e subiu ao pódio em Fafe, provando várias vezes que o seu talento merece um carro mais moderno e competitivo do que o Mitsubishi Lancer Evo VI, construído em 2000.
O Rali Vidreiro – Centro de Portugal, disputado na região da Marinha Grande, assistiu a outra demonstração de classe do piloto de Sintra, que venceu cinco das seis classificativas do Campeonato Centro de Ralis (apesar de não pontuar para o CCR) e também do Desafio Kumho Portugal, obtendo em alguns troços tempos ao nível de veículos R5 e Porsche que participam no Campeonato de Portugal de Ralis.
No final, Carlos Fernandes e o navegador Valter Cardoso venceram a prova do Desafio Kumho Portugal com mais de dois minutos de vantagem para o segundo classificado.

"Só reconhecemos o rali na sexta-feira de manhã e montámos apenas dois pneus novos à frente para toda a prova", revelou Carlos Fernandes. "Também por isso, penso que podemos estar orgulhosos com esta vitória mas temos a noção que precisamos de um projeto mais ambicioso, com um carro mais competitivo. Estamos no bom caminho para ganhar o Desafio Kumho Portugal e poderemos juntar mais um título ao nosso palmarés. Pode ser que seja o momento ideal para encontrar os apoios que nos faltaram no passado", referiu o piloto de Sintra, que lidera isolado as três classificações do troféu da marca sul-coreana de pneus: Master (absoluto), Asfalto e Terra.

O Desafio Kumho Portugal prossegue no Rali de Viana do Castelo, também em asfalto, nos próximos dias 7 e 8 de julho.

Não lhe é permitido comentar.