facebook

fabrica

tanakvence(POR RICARDO NASCIMENTO)

Com apenas quatro troços sem assistência pelo meio e com as posições no top 10 praticamente definidas, a maioria dos pilotos optaram por poupar os pneus para a Power Stage, excepto o líder do rally.

Ott Tänak falhou uma travagem num cruzamento na primeira especial do dia e teve muito pó dentro do carro, mas estónio conseguiu segurar o primeiro lugar, venceu o seu primeiro rally no WRC e subiu à terceira posição no campeonato.

Jari-Matti Latvala aproximou-se de Tänak na primeira especial, mas deixou o motor calar-se num gancho na especial seguinte, perdendo alguns segundos. O finlandês foi o piloto mais rápido do dia, mas não o suficiente para retirar a primeira vitória a Tänak que foi o quinto piloto diferente a vencer este ano.

Isolado na terceira posição, Thierry Neuville deu tudo na Power Stage, mas só conseguiu 2 pontos extra. No entanto, o belga conseguiu dois dos seus objetivos que era terminar no pódio e ficar à frente de Ogier.

Esapekka Lappi está a evoluir depressa no Toyota, vencendo hoje mais duas especiais, inclusive a Power Stage. Lappi terminou numa excelente quarta posição e será curioso como irá ser a sua prestação nos rápidos troços da Polónia e Finlândia.

Juho Hänninen voltou a ter problemas com a direção assistida e Sébastien Ogier aproveitou para atacar nas duas últimas especiais, para alcançar o finlandês. O francês conseguiu subir à quinta posição e ainda obteve mais 3 pontos na Power Stage.

Mads Østberg manteve a sétima posição, mas o norueguês perdeu mais de 2 minutos na Power Stage, quando a suspensão posterior cedeu, conseguindo levar o carro até ao final.

Andreas Mikkelsen terminou em oitavo neste rally de aprendizagem. O norueguês vai regressar já na Polónia, substituindo Kris Meeke que vai estar afastado para refletir e retirar um pouco da pressão, para se preparar melhor para a Finlândia.

Eric Camilli conseguiu vencer o duelo com Jan Kopecký, mas foi o checo que levou a a pontuação máxima no WRC2, com uma boa vantagem Ole Christian Veiby.

Dani Sordo voltou a vencer mais um troço e conseguiu 4 pontos na Power Stage, mas Hayden Paddon voltou a bater na penúltima especial, não conseguindo concluir o rally.

VENCEDORES DE TROÇOS:
Thierry Neuville (2); Kris Meeke (1); Juho Hänninen (1); Dani Sordo (3); Esapekka Lappi (5); Hayden Paddon (2); Ott Tänak (3)
LÍDERES DO RALLY:
Thierry Neuville (SS1); Kris Meeke (SS2); Juho Hänninen (SS3); Kris Meeke (SS4); Hayden Paddon (SS5 a 12); Ott Tänak (SS13 a 19)
POWER STAGE:
1º Esapekka Lappi; 2º Dani Sordo; 3º Sébastien Ogier; 4º Thierry Neuville; 5º Jari-Matti Latvala

PRINCIPAIS ABANDONOS:
3 Elfyn Evans / Daniel Barritt (GB) Ford Fiesta WRC (avaria após SS19)
4 Hayden Paddon / Sebastian Marshall (NZ/GB) Hyundai i20 Coupe WRC (acidente na SS18)
7 Kris Meeke / Paul Nagle (GBR/IRL) Citroën C3 WRC (danos após acidente na SS5)
7 Hiroki Arai - Glenn MacNeall (J/GB) Ford Fiesta R5 (SS17)
40 Fabio Andolfi / Manuel Fenoli (ITA) Hyundai i20 R5 (SS7)

PONTUAÇÃO WRC:
1º Sébastien Ogier 141; 2º Thierry Neuville 123; 3º Ott Tänak 108; 4º Jari-Matti Latvala 107; 5º Dani Sordo 70; 6º Elfyn Evans 55; 7º Craig Breen 43; 8º Hayden Paddon 33; 9º Juho Hänninen 29; 10º Kris Meeke 27; 11º Esapekka Lappi 20; 12º Andreas Mikkelsen 17; 13º Mads Østberg 12; 14º Stéphane Lefebvre 10; 15º 14º Teemu Suninen e Jan Kopecký 5

PONTUAÇÃO WRC2:
1º Pontus Tidemand 100; 2º Teemu Suninen 54; 3º Eric Camilli 52; 4º Andreas Mikkelsen 50; 5º Jan Kopecký 49; 6º Ole Christian Veiby 43; 7º Pedro Heller 31; 8º Benito Guerra, Yohan Rossel e Simone Tempestini 27; 11º Lukasz Pieniazeke e Pierre-Louis Loubet 19; 13º Emil Bergkvist, Juan Carlos Alonso e Gus Greensmith 18; 16º Takamoto Katsuta 17

PONTUAÇÃO EQUIPAS:
1º M-Sport WRT 234 ; Hyundai Motorsport 194; 3º Toyota Gazoo Racing 146; 4º Citroën Total Abu Dhabi WRT 101

CLASSIFICAÇÃO FINAL
FINALSARDENHA

Não lhe é permitido comentar.